Breve historial do jornal Cardeal Saraiva

O jornal Cardeal Saraiva é um jornal semanário que teve a sua primeira edição em 15 de Fevereiro de 1910, em Ponte de Lima.

A ideia partiu de António Ferreira, Juiz Desembargador, Plágio dos Reys Lemos e Avelino Guimarães, empresário, que, para além de decidirem criar um novo jornal em Ponte de Lima, pretenderam com ele homenagear uma figura ímpar limiana.

O jornal adoptou para seu título o nome de “Cardeal Saraiva”, homenageando assim Francisco Manuel Justiniano Saraiva, personalidade que era natural de Ponte de Lima e se distinguiu na hierarquia religiosa sob o nome de Cardeal Saraiva.

De facto até então essa figura notável da hierarquia religiosa estava esquecida na sua terra natal, pelo que, durante quase cem anos, o título do Jornal foi a sua única homenagem a esta figura limiana.
Só mais recentemente foi-lhe atribuído o nome de uma rua na vila limiana e, posteriormente, em 2008 foi-lhe prestada nova homenagem por um grupo de cidadãos, tendo sido erguida uma estátua na rua com o seu nome.

Até 2 de Novembro de 1911 o jornal foi impresso na extinta Tipografia Confiança, então situada na Rua do Arrabalde nº 97, em Ponte de Lima.

Nessa altura a redacção e a administração do jornal situavam-se no bairro do Pinheiro, defronte do Cruzeiro de Merim, ou do Senhor da Paz, no prédio onde residia o seu director, António José de Oliveira, professor oficial primário em Ponte de Lima.

Em 1912 passou a ser impresso na Typographia Modelo, em Viana do Castelo, e em 25 de Setembro de 1913 voltou a ser composto e impresso na Tipografia Guimarães, em Ponte de Lima, mais concretamente na tipografia do seu administrador, editor e director Avelino Guimarães.

Desde o ano da sua fundação o Jornal Cardeal Saraiva mantêm-se na mesma família.

Em 1991 o jornal informatizou e profissionalizou a sua redacção e adquiriu novo parque gráfico, assegurando a impressão do jornal até aos dias de hoje.

Apesar do que o seu título possa sugerir, este órgão de comunicação social não tem qualquer ligação a qualquer credo religioso e aposta numa informação independente e plural.

Director actual:

Avelino Castro

Directores anteriores:

António José de Oliveira

Avelino Pereira Guimarães

Alcides Pereira

Maria Carolina Dantas Soares Guimarães

Partilhar
Share On Facebook
TESTE
Share On Facebook
Hide Buttons