Segunda-feira, Novembro 28, 2022

Ano 113 - Nº 5275

publicidadepublicidade
InícioVALE DO LIMAPONTE DE LIMAMunicípios unem-se em redor do cavalo

Municípios unem-se em redor do cavalo

A importância do cavalo está escrita nas páginas da nossa história, mas é também uma realidade que se escreve no presente.

É exemplo disso a Feira do Cavalo, uma iniciativa com provas dadas, bem como outras actividades equestres desenvolvidas em Ponte de Lima, com as quais este território se tem afirmado como destino equestre nacional e internacional.

Em Portugal, são vários os municípios, de norte a sul, que desenvolvem actividades equestres.

Numa tentativa de unir esforços e sinergias entre os vários territórios que destacam o papel do cavalo na cultura e economia local, 10 dessas autarquias decidiram unir-se num movimento associativo.

O memorando com vista à criação da Associação de Municípios Portugueses do Cavalo foi assinado durante a Feira do Cavalo pelos representantes dos respectivos municípios e, ainda, por algumas associações do setor.

Aos municípios minhotos de Ponte de Lima, Ponte da Barca, Viana do Castelo, Esposende e Barcelos juntaram-se neste movimento associativo também os Municípios de Golegã, Alter do Chão e Viana do Alentejo.

A ideia foi bem recebida pela Associação Portuguesa de Criadores do Cavalo Puro-Sangue Lusitano, pela Associação Nacional de Turismo Equestre, que também assinaram o referido memorando.

Vários outros municípios, tais como de Valongo, Serpa, Santarém, Alfandega da Fé, Lagoa e Ponta Delgada. Demonstraram interesse em integrar também a associação.

Artigos Relacionados

PUB

Mais Popular

Comentários Recentes